Você pode viajar com seu animal de estimação na cabine ou no bagageiro do avião sujeito a certas restrições. Se você precisar viajar com um animal de assistência (cães guia ou de apoio emocional) verifique as condições aqui.

 

 

Restrição de transporte de animais de estimação

Entre os dias 15 de dezembro e 15 de março de cada ano, fica restrito o transporte de animais de estimação no compartimento de cargas em todas as rotas para Nova York e Boston.

Condições gerais

  • Não é permitido o transporte do seu animal de estimação de/para: Ilhas Galápagos, Austrália, Nova Zelândia, Papeete, África do Sul e Inglaterra.
  • A LATAM não transporta animais de estimação no compartimento de cargas ou na cabine em viagens que hajam conexões com outras companhias aéreas ou em voos de código compartilhado.
  • A aceitação do seu animal de estimação está sujeita a restrições de saúde e documentação estabelecida pela autoridade sanitária de cada país. Por exemplo, para voos domésticos na Colômbia, deve-se apresentar o carnê ou certificado de vacinação assinado por um veterinário e que indique o número de sua matrícula profissional.
  • Somente são permitidas viagens de cães e/ou gatos com o passageiro, e os animais devem apresentar um comportamento dócil com os demais.
  • O animal de estimação deve ter idade superior a 8 semanas ou 4 meses caso a viagem se destine aos Estados Unidos.
  • O animal de estimação deve estar em bom estado de saúde e, em caso de fêmea, não estar prenha.
  • Cães de busca de sobreviventes em desastres, com certificação prévia de sua condição, estão isentos do pagamento por transporte quando viajam em missões humanitárias.
  • Os animais de estimação não podem viajar sob o efeito de sedativos.

Como solicitar o serviço?

  • O serviço deve ser solicitado na Central de Vendas durante a reserva ou até no máximo 48 horas antes do horário de partida do voo.
  • Para voos da LATAM Airlines Brasil, a solicitação não pode ser realizada até 2 meses antes do voo

Documentação necessária

  • Para viajar com o seu animal de estimação você deverá apresentar um certificado veterinário atestando que o animal está saudável para realizar a viagem. O documento deve ser emitido por um veterinário até 10 dias antes do voo.
  • Em voos nacionais dentro do Brasil, você deverá apresentar um certificado de vacinação antirrábica, além do atestado de saúde emitido por um veterinário. A aplicação da vacina antirrábica é recomendada para os filhotes com mais de 90 dias de vida. Após a aplicação da primeira dose da vacina antirrábica, deve-se aguardar 30 dias para garantir que o animal esteja imunizado. Após a aplicação da segunda dose, não é necessário aguardar o período de 30 dias entre a aplicação da vacina e o embarque do animal. Caso o embarque seja realizado antes dos 30 dias de aplicação da primeira dose ou fora do período de validade, o embarque será negado.
  • A documentação para voos internacionais varia de acordo com o país de destino. Para saber quais são os documentos exigidos no país que você vai visitar, acesse o site do Ministério da Agricultura ou consulte diretamente o consulado do país em questão. Você deverá apresentar os documentos em 2 vias: uma original e uma cópia que será anexada à caixa de transporte. Também é possível confirmar as informações através do site latamtravelcenter.com (em inglês).
  • Caso seu destino seja a Ilha de Páscoa, você precisará que um escritório do SAG (autoridade sanitária do Chile) certifique o bom estado de saúde do seu animal de estimação. Como proprietário, você pode fazer isso em qualquer escritório da Vigilância Agropecuária no Chile. Esta é uma exceção dentro do Chile.

Na cabine

  • O transporte de animal de estimação está disponível na cabine Economy dos aviões Airbus 319, 320, 321, 350 e Boeing 777.
  • Pode ser confirmado apenas 1 serviço de transporte de animal de estimação por passageiro adulto.
  • Não poderão ser atribuídos assentos na primeira fila ou saída de emergência.
  • O peso máximo do animal de estimação não pode ser superior a 7 kgs/15 lbs. Incluindo o kennel. 
  • O kennel não deve possuir rodas e deve caber sob o assento dianteiro do passageiro.
  • É importante que o kennel tenha ventilação adequada e possua uma trava que garanta que seu animal de estimação não sairá durante o voo. 
  • O animal de estimação deve ter espaço suficiente para para ficar em pé, se mover e dar uma volta em torno de si dentro do kennel.
  • É permitido somente um animal por kennel.
  • Seu animal de estimação pode embarcar na cabine com um kennel rígido ou flexível, de acordo com as dimensões abaixo:
Dimensiones contenedor

Valor do serviço

  • Além disso, é preciso incluir o imposto sobre vendas nos países onde é cobrado.
  • Caso seu voo inclua uma parada que lhe permite a saída do aeroporto, você deverá pagar o serviço de cada trajeto da viagem até chegar a seu destino final.
  • O transporte de animais de estimação na cabine é um serviço suplementar ao transporte de passageiro; portanto, lembramos que alterações ou reembolsos de passagens estão sujeitas às condições da tarifa adquirida.

No compartimento de cargas

  • Cada passageiro pode transportar no máximo 2 animais de estimação no compartimento de cargas do avião.
  • Se for viajar em rotas com destino ou origem na Europa, Oceania, Argentina ou Aruba, o peso máximo permitido incluindo o kennel é de 32 kg. Para os outros destinos, o peso máximo incluindo o kennel é de 45 kg.
  • Pela segurança e integridade de certas raças de cães e gatos, algumas delas que possuem restrições não podem ser transportadas no bagageiro do avião. Caso seu animal de estimação seja de uma dessas raças restritas, você só poderá levá-lo com você a bordo, desde que cumpra as condições para o transporte na cabine.
  • Condições do kennel no compartimento de cargas:
  • Deve cumprir as seguintes especificações máximas: 115 cm de altura e 300 cm lineares (largura + altura + comprimento).
  • Deve ser de material resistente e a prova de infiltrações.
  • Não é permitido possuir rodas.
  • Deve possuir porta metálica com trava dupla de forma que não permita que o animal insira o focinho ou a pata. 
  • Deve possuir buracos de ventilação nas laterais e traseira do kennel.
  • O animal de estimação deve ter espaço suficiente para para ficar em pé, se mover e dar uma volta em torno de si.

Valor do serviço

Voos regionais: entre países da América do Sul; entre América do Sul e Caribe (Havana, Punta Cana e Aruba); inclui as rotas Auckland - Sidney, Punta Cana - Miami e Madri - Frankfurt.

Voos de longas distâncias: entre América do Sul e Europa - Estados Unidos - Oceania - México (Cancún e Cidade do México); incluindo rota Lima - Orlando e Guaiaquil - Miami.
 

Raças não permitidas no bagageiro

 

Raças de cães não permitidas

  • Affenpinscher
  • Boston Terrier
  • Buldogue (todas as raças)
  • Cane Corso ou Mastim Italiano
  • Chow-Chow
  • Toy Spaniel Inglês
  • Griffon de Bruxelas
  • Spaniel japonês (Chin Japonês)
  • Lhasa Apso
  • Mastim Inglês
  • Pequinês
  • Pug ou Carlino (todas as raças)
  • Shar-Pei
  • Shih-Tzu
  • Spaniel tibetano

Raças de cães não permitidas

  • Bull Terrier
  • Bulldog Americano
  • American Bully 
  • Akita In
  • Dogo Argentino
  • Fila Brasileiro
  • Pastor-da-Anatólia
  • Rottweiler
  • Tosa japonês
  • Staffordshire Terrier Americano (Amstaff)
  • Staffordshire Bull Terrier Inglês (Staffi)
  • Pitbull Terrier Americano
  • Boxer
  • Bullmastiff
  • Dogue de Bordéus
  • Mastim Napolitano
  • Dogue Canário

Raças de gatos permitidas

  • Burmese Americano
  • Himalaio
  • Persa
  • Shorthair Exótico
  • Raças Persas todos os tipos