Animais de estimação na cabine

Nós sabemos que o seu animal de estimação é muito importante para você. Por isso, na LATAM ele pode viajar com você na maioria das nossas rotas, conforme regras relacionadas ao tamanho e à raça, que nos permitem levar o seu melhor amigo de forma segura e confortável, seja na cabine ou no bagageiro das nossas aeronaves.

Para poder subir a bordo dos nossos aviões, seu cachorro ou gato deve ter:

  • Bom estado de saúde;
  • Comportamento dócil;
  • Pelo menos 8 semanas de vida, com exceção dos Estados Unidos, que aceitam animais apenas com 4 meses de idade.

Para embarcar com segurança, o seu animal não pode estar sedado e deve atender todos os requisitos de viagem.  

Bolsa ou caixa de transporte

Para viajar junto ao seu animal em cabine Economy, você deverá levá-lo dentro de um recipiente apropriado, que deve atender às seguintes regras:

Bolsa de transporte

Medidas: 

36 cm de comprimento x 33 cm de largura x 23 cm de altura

Peso (soma do animal e da bolsa): 

  • 7 kg / 15 lbs
  • 10 kg / 22 lbs para voos dentro de Colômbia

A bolsa deve ter uma trava que garanta que o animal não saia durante o voo.

Caixa de transporte

Medidas:

36 cm de comprimento x 33 cm de largura x 19 cm de altura

Peso (soma do animal e da caixa)

  • 7 kg / 15 lbs
  • 10 kg / 22 lbs para voos dentro da Colômbia

Para a segurança do seu animal, a caixa deve ter uma porta de metal com trava dupla que impeça a introdução do focinho ou pernas na ranhura.

Considerações gerais sobre a bolsa ou caixa

  • Não pode ter rodas;
  • Precisa caber sob o assento dianteiro (para a sua segurança e a dos demais passageiros, não poderemos atribuir a você assento na primeira fileira ou nas saídas de emergência);
  • Deve ser feito de material resistente que o animal não possa destruir;
  • Deve ter espaço suficiente para que o animal possa se mover e girar ao redor de si mesmo;
  • Deve ter uma base impermeável absorvente, à prova de infiltrações, e com ventilação adequada.

É extremamente importante que você garanta que a bolsa ou caixa atendem às condições. Se o recipiente transportador não atender aos requisitos, seu animal de estimação não poderá embarcar.

Como solicitar o serviço

Você deve ir pessoalmente a uma das nossas lojas LATAM ou ligar para a nossa Central de Vendas e Serviços ao fazer a reserva ou até 24 horas antes da saída do seu voo

Lembre-se de que o serviço está sujeito à disponibilidade no seu voo.

Uma vez que a reserva esteja confirmada, você poderá fazer o Check-in apenas no aeroporto. Para garantir a segurança dos nossos passageiros, se o seu animal de estimação tiver um comportamento agressivo ou não atender aos requisitos para a viagem, ele não poderá embarcar.

Valor do serviço

Verifique o preços cobrados pelo serviço de transporte de acordo com a sua rota:

Voos
Valor
Voos
Dentro do Brasil
Valor
BRL 200
Voos
Dentro da Argentina
Valor
ARS 3.000
Voos
Dentro do Chile
(exceto Ilha de Páscoa)
Valor
CLP 50.000
Voos
Dentro da Colômbia
Valor
COP 60.000
Voos
Dentro do Equador
Valor
USD 45 
(R$167***)
Voos
Dentro do Peru
Valor
USD 45
(R$167***)
Voos
Regionais*
Valor
USD 200
(R$744***)
Voos
De longo alcance**
Valor
USD 250
(R$930***)
* Voos regionais: entre países da América do Sul, entre América do Sul e América Central, além das seguintes rotas: Punta Cana - Miami, Madrid - Frankfurt e Santiago - Ilha de Páscoa.
** Voos de longo alcance: entre América do Sul e Europa, América do Norte, África ou Ásia.
***Os valores em reais (R$) expressos acima são apenas uma referência, que toma como base o câmbio de 17 de janeiro de 2019, no valor de BRL 3,72. O valor será cobrado de acordo com a cotação do dólar do dia do uso.
 

Lembre-se que:

  • Em alguns países poderá haver cobrança de imposto correspondente ao serviço solicitado;
  • Se o seu voo inclui paradas que permitem que você saia do aeroporto, você deverá pagar separadamente por cada trajeto da viagem até seu destino final;
  • Alterações e reembolsos ficam sujeitos às condições da tarifa que você comprou e devem ser solicitados antes da saída do seu voo.

Documentação

Para embarcar com o seu animal de estimação, você deve apresentar um atestado médico emitido por um veterinário até 10 dias antes do voo. Além disso, você deverá apresentar a seguinte documentação adicional exigida em algumas rotas:

Voos nacionais

  • Dentro do Brasil: comprovante vigente de vacina antirrábica, recomendado para animais com mais de 90 dias de vida. Ao aplicar a primeira dose, é necessário esperar 30 dias para o embarque. Se esse período não for respeitado ou se a vacina estiver fora do período de validade, seu animal não poderá viajar.

  • De Santiago para a Ilha de Páscoa: Certificado de Exportação de Saúde Animal (CZE na sigla em espanhol), emitido pelo Serviço Agropecuário (SAG) que, entre outros requisitos, exige a inscrição de cachorros e gatos no Registro Nacional de Animais de Estimação ou de Companhia.

  • Dentro da Colômbia: comprovante de vacinação, indicando o número da matrícula profissional do médico veterinário.

Voos internacionais

Certificado Zoossanitário Internacional (CZI) emitido pelas autoridades sanitárias do país de origem da sua viagem ou de procedência do seu animal. Para a emissão, a autoridade competente pode, entre outros requisitos, exigir a inscrição de cachorros e gatos em um registro nacional ou em um registro de animais da espécie canina potencialmente perigosos.

No Brasil, o CZI é emitido pelo Departamento de Saúde Animal, submetido à Secretaria de Defesa Agropecuária do Ministério da Agricultura. Esse documento atesta a sanidade animal e é emitido após inspeção sanitária ou exames para diagnóstico de doenças. Também são verificadas as condições de saúde do animal, por meio do acompanhamento médico veterinário periódico e de provas de vacinação e exames laboratoriais legalmente exigidos. Mais informações no site do Ministério da Agricultura.

Lembre-se que as informações sobre a documentação listadas nesta página são apenas uma referência e podem sofrer alterações sem prévio aviso. Por isso, recomendamos que você entre em contato com a autoridade sanitária ou com o consulado dos países que você vai visitar. Verifique mais informações no site da Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA).

Restrições

Você poderá viajar apenas com 1 animal, sempre em cabine Economy e em voos que sejam operados exclusivamente pela LATAM. Além disso, o serviço não está disponível:

  • Nas nossas aeronaves Boeing 767 e 787;
  • Em voos com origem ou destino nas Ilhas Galápagos (Equador), Austrália, Nova Zelândia, África do Sul, Papeete (Taiti), Inglaterra e com destino no Aeroporto Internacional Sangster, em Montego Bay, Jamaica;
  • Na rota Brasília-Assunção (Paraguai) operada pela Paranair;
  • Em voos que tenham conexões com outras companhias aéreas ou código compartilhado (codeshare).
Lembre-se que se o seu animal não atender aos requisitos para viajar na cabine, você deverá transportá-lo no bagageiro do avião.
 

Devido à situação mundial em relação ao coronavírus (covid-19), estamos tomando todas as medidas necessárias para garantir a sua segurança e a do seu animal de estimação. Por isso, no momento, o transporte de animais de estimação no bagageiro do avião em rotas domésticas dentro do Brasil está indisponível. Somente está permitido o transporte de animais no bagageiro do avião e em voos diretos, ou seja, quando não houver conexão, e sujeito à disponibilidade. Para saber se o serviço estará disponível na sua viagem, entre em contato com o nosso Contact Center LATAM Cargo.

Você precisa viajar com cão-guia ou de assistência?

Convidamos você a verificar os requisitos na seção Animais de auxilio.