Nosso serviço de transporte de menores não acompanhados oferece assistência completa para crianças e adolescentes que viajam sozinhos ou sem um adulto responsável. Oferecemos apoio e proteção durante toda a viagem, incluindo os controles de imigração e segurança, até que seja recebido no destino pela pessoa autorizada por você.

 

Acompanhamento da viagem

Este serviço contempla um sistema de Acompanhamento da viagem, disponível em voos dentro da Argentina, Brasil, Chile, Colômbia e Peru, que permite, através de um computador ou dispositivos móveis, identificar em tempo real o estado das diversas etapas da viagem do menor.

O serviço está disponível para:

Como funciona

  • O menor recebe uma pulseira com um código único no momento do check-in. Ao finalizar o processo, é realizada a primeira leitura do código, dando início ao acompanhamento.
  • Um funcionário da LATAM acompanha o menor até a sala de embarque e espera com ele. O agente realiza todo o processo de embarque com o menor e o guia até o avião, onde será entregue à custódia da tripulação.
  • Nossa tripulação recebe e acomoda o menor no seu assento, oferecendo-lhe toda a atenção e apoio necessário.
    Além disso, em voos domésticos da Argentina, Chile, Colômbia e Peru, o serviço inclui um lanche infantil.
  • O horário de decolagem é atualizado com a partida do voo e marcado automaticamente como concluído.
  • Após aterrissar no aeroporto de destino, um funcionário da LATAM acompanha o menor durante todo o processo de desembarque.
  • O agente acompanha e ajuda o menor na retirada de sua bagagem.
  • O agente acompanha o menor até a área de desembarque do aeroporto de chegada e o entrega à pessoa indicada por você no destino final.

Como solicitar o serviço

Você pode solicitá-lo até 48 horas antes do voo através do nosso Contact Center, pagando o valor correspondente ao país onde o menor se encontre. Lembre-se que é importante comprar a passagem quando o serviço de transporte de menor não acompanhado já estiver confirmado, pois está sujeito à disponibilidade.
 

Valores

Estes valores podem estar sujeitos a impostos em seu país de origem. Se precisar de mais informações, você pode se comunicar com o nosso Contact Center.

**Os valores em reais (R$) expressos acima são apenas uma referência, que toma como base o câmbio de 14 de agosto de 2018, no valor de R$ 3,88. O valor será cobrado de acordo com a cotação do dólar do dia do uso. Se você precisa de mais informações, entre em contato com nossa Central de Vendas, Fidelidade e Serviços.


No aeroporto, os pais ou responsáveis pela criança devem dirigir-se ao nosso balcão e preencher o formulário Menor desacompanhado, que requer as seguintes informações:

  • Nome, sobrenomes e idade do menor.
  • Nome, sobrenomes, telefone e endereço do tutor no aeroporto de origem.
  • Nome, sobrenomes, telefone e endereço do tutor no aeroporto de destino.


Se você já solicitou nosso serviço, consulte nossa lista de conselhos para a viagem do menor.

 

 

Condições do serviço

  • Este serviço não está disponível para crianças que precisam de atestado médico para viajar.
  • As crianças devem poder se alimentar e serem capazes de cobrirem suas necessidades básicas de higiene; além de se mobilizarem em caso de evacuação e responderem às instruções de segurança.
  • Os menores não poderão viajar com mascotes na cabine ou no bagageiro do avião.
  • Para menores entre 12 e 17 anos, o serviço somente estará disponível em itinerários com voos diretos ou com conexião operados pela LATAM. É importante que não troquem de aeroporto durante a conexão e que esta não leve mais de quatro horas. Além disso, a conexão não pode ser o último voo do dia, exceto nas rotas com apenas uma frequência diária.
  • Você poderá solicitar a devolução do serviço somente antes da partida do voo
  • No avião, as crianças serão colocadas na parte posterior, desta forma, nossa tripulação terá maior visibilidade e controle dos menores, serão os primeiros a embarcar e os últimos a desembarcar.
  • Menores até 14 anos não podem viajar desacompanhados em voos da American Airlines e United Airlines. Para fazê-lo, o serviço para menor desacompanhado deve ser contratado junto às empresas diretamente. A American Airlines, United Airlines e LATAM Airlines não autorizam menor desacompanhado em voos de conexão com outras companhias aéreas. Sugerimos entrar em contato com o Contact Center ou procurar por nossas lojas de atendimento antes de comprar sua passagem.

Documentos necessários

Viagens nacionais (dentro do Brasil)

Adolescentes com idade a partir de 12 anos não precisam apresentar a autorização de viagem, sendo necessário apenas o documento de identificação com foto.

Viagens para fora do Estado onde reside

Criança de 08 até 11 anos, viajando para fora do Estado onde reside, precisam apresentar no momento do embarque o documento de identificação com foto e uma autorização judicial. Este procedimento segue o artigo 83 do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).

Existem Estados brasileiros, os quais a Vara de Infância e Juventude contam com políticas diferentes para viagens de menores desacompanhados, que podem sobrepor a lei descrita acima estabelecidas pela ECA. Desta maneira orientamos aos nossos clientes, que verifiquem quais são as exigências locais do Estado antes de viajar, para garantir a apresentação da documentação necessária.

Crianças brasileiras de 08 até 11 anos residentes no exterior, viajando desacompanhadas dos seus pais ou responsáveis, precisam apresentar no momento do embarque o documento de identificação com foto e uma autorização consular. 

 

  • Judicial: emitida por juízes e pode estar no formato de ofício, carteirinha, formulário ou outros. Se o documento não estiver com validade definida, poderá ser usado por 24 meses a partir da data de emissão.

  • Consular: emitida nas embaixadas e consulados brasileiros no exterior, utilizada por famílias residentes fora do Brasil. Se o documento não estiver com validade definida pelo embaixador/cônsul, poderá ser usado por 24 meses a partir da data de emissão.
 
Viagens internacionais


Crianças e adolescentes brasileiros de 08 até 17 anos, residentes no Brasil ou no exterior, viajando desacompanhadas dos seus pais ou responsáveis, precisam apresentar no momento do embarque o passaporte e uma autorização de viagem que pode ser: autorização expressa dos pais com firma reconhecida em cartório ou judicial ou consular. Caso o país de destino exija, será necessário também apresentar o visto válido. Este procedimento segue a resolução nº 131, de 26 de maio de 2001, que foi emitida pelo Conselho Nacional da Justiça (“CNJ”). 

 

  • Cartório: documento com firma reconhecida em cartório. É necessário providenciar duas vias, pois uma fica com o agente de fiscalização da Polícia Federal e a outra com a criança. Se o documento não estiver com validade definida, poderá ser usado por 24 meses a partir da data de emissão.
  • Judicial: emitida por juízes e pode estar no formato de ofício, carteirinha, formulário ou outros. Se o documento não estiver com validade definida, poderá ser usado por 24 meses a partir da data de emissão.

  • Consular: emitida nas embaixadas e consulados brasileiros no exterior, utilizada por famílias residentes fora do Brasil. Se o documento não estiver com validade definida pelo embaixador/cônsul, poderá ser usado por 24 meses a partir da data de emissão.

Mesmo que a criança ou adolescente esteja acompanhada de uma pessoa sem parentesco, maior ou menor de idade emancipada, é obrigatória a apresentação da autorização dos pais ou responsáveis, feita em cartório, judicial ou nos consulados e embaixadas.

Encontre mais informações sobre como viajar com crianças e adolescentes acompanhados dos pais ou desacompanhados, na cartilha Viagem de criança e adolescente ao exterior, fornecida pelo Conselho Nacional de Justiça.